seu conteúdo no nosso portal

Nossas redes sociais

Polícia Federal investiga vazamento de informações sigilosas no TJ da Bahia

A Polícia Federal (PF) deflagou na manhã de hoje (7), a Operação Vortigern, na região metropolitana de Salvador. O objetivo é investigar o vazamento de informações sob sigilo de justiça no Tribunal de Justiça da Bahia.

A operação, realizada por cerca de 20 agentes da PF, foi determinada pelo ministro do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), Og Fernandes, que autorizou o cumprimento dos sete mandados: três de busca e apreensão e quatro de condução coercitiva.

Segundo a PF, a operação se trata de um inquérito policial e, por isso, não serão apresentados detalhes sobre o caso.

O Tribunal de Justiça da Bahia informou que, ainda hoje, enviará um posicionamento sobre a operação.

O nome da operação é uma referência ao texto de dramaturgia Vortigern e Rowena, atribuído, falsamente, a William Shakspeare.

A diligência foi autorizada pelo ministro Og Fernandes, do Superior Tribunal de Justiça. Além da corte, foram feitas diligências na região metropolitana de Salvador. A investigação está sob sigilo. Com informações da Assessoria de Imprensa da PF.

Compartihe

OUTRAS NOTÍCIAS

Justiça condena empresa aérea a indenizar casal que perdeu conexão de voo
TST: Sócios conseguem afastar execução de seus bens para pagar dívida trabalhista
STJ anula execução de instrumento de confissão de dívida firmado em contrato de factoring